O PDX DC: a loja Depois do Coronavírus

O PDX é a evolução do centenário PDV, ponto de venda, ou loja, que, ao longo do tempo foi incorporando novas atribuições como ponto de relacionamento, ponto de experiência, ponto de informação, ponto de serviços, ponto de solução, ponto de educação e outras funções mais. Tudo como natural transformação imposta pelos novos cenários, especialmente a evolução do digital.

Continue lendo “O PDX DC: a loja Depois do Coronavírus”

[ACIB Orienta] Reinaldo Cafeo conversa com Marcos Ferrari sobre Linhas de Crédito

A ACIB está apoiando a realização de uma série de webinars com a temática “Enfrentamento da Crise!” realizada pela Confraria de Negócios RC onde o presidente da entidade, o economista Reinaldo Cafeo, faz uma entrevista com 9 consultores empresariais com grande experiência e assim traz um conteúdo importante para o nosso associado e empresário bauruense.

Continue lendo “[ACIB Orienta] Reinaldo Cafeo conversa com Marcos Ferrari sobre Linhas de Crédito”

APAS elenca fatores que influenciam os preços nos supermercados

Existe toda uma cadeia de produção na formação dos preços que enxergamos na prateleira de um supermercado. As variações vão desde a matéria prima que vem dos produtores, aos fatores de produção da indústria (energia, mão de obra, embalagem), fatores de logística (combustível, mão de obra, manutenção), impostos que incidem nas várias etapas da cadeia (federal, estadual e municipal). Desde o início da pandemia da COVID-19, a Associação Paulista de Supermercado (APAS) orienta seus associados a não aumentarem a margem de lucro praticada anteriormente à crise e apenas repassar os aumentos impostos pela indústria.

Continue lendo “APAS elenca fatores que influenciam os preços nos supermercados”

Autoridades públicas no combate à COVID-19: “samba de uma nota só”

samba de uma nota só

Acompanhando diariamente o posicionamento e o comportamento das autoridades públicas, nossos representantes no executivo estadual e municipal, me fez lembrar o mestre Tom Jobim e do compositor Newton Mendonça quando fizeram a música “Samba de uma nota só”, em que a base musical era apenas uma.

Alguns trechos da música representam bem este comportamento de uma nota só: “eis que este sambinha feito de uma nota só, outras notas vão entrar, mas a base é uma só”, em seguida os autores escrevem “quanta gente existe aí que fala tanto e não diz nada ou quase nada, já me utilizei de toda a escala e no final não sobrou nada, não deu nada”.

Observem como isso é verdade: “autoridade, é preciso um olhar multidisciplinar para o enfrentamento da COVID-19”, resposta ao cidadão irrequieto: “sim, vamos considerar, desde que seja como a saúde deseja”. “Autoridade, não é possível ter um olhar local e solicitar estudos para que a sua cidade, que tem comportamento no tocante a proliferação da doença, não tratada como a capital que tem resultados mais graves?”. Resposta da Autoridade: “claro que sim, mas não farei nada pois há um decreto estadual”.

Nova pergunta a Autoridade: “na reunião com o governador poderia argumentar as características locais para que ao menos seja realizado um estudo, sério, com toda segurança sanitária, para que a geradores de riqueza voltem gradativamente a operar”. Resposta da Autoridade: “sim, farei a pergunta ao governador”. Já na reunião “online” com o governador: “é sua vez de falar” diz o governador. A autoridade, nervosa, medindo palavras, afinal, está chegando agora ao novo ninho, não pode ficar mal na fita: “veja bem, vamos dizer assim, bem, na verdade precisamos de mais leitos na cidade”. Só isso? Pergunta um interlocutor. Resposta da autoridade: “Só isso”!

Claro que o texto acima segue a possibilidade que a democracia nos permite, portanto nos dando “liberdade de expressão” e diria “liberdade poética”, mas em algum momento retrata o quanto parte das autoridades públicas estão completamente divorciadas dos interesses locais e, baseados em suas próprias convicções, enclausurado em salas refrigeradas, ouvindo a voz daqueles que falam o que esta autoridade quer ouvir, não fazem um movimento sequer para tentar ao menos argumentar que é possível mudar a realidade existente.

A conclusão: à sociedade resta somente esbravejar, participar de “zoons” e “lives” com estas autoridades, mas de concreto mesmo, é que serão tratados como oportunistas, que somente querem o lucro, e ainda que promovem “carreata da morte”.

Resta saber de que morte as autoridades públicas estão falando, afinal isso pode ser interpretado de muitas maneiras, inclusive morte política.

Será que é pedir muito para que as autoridades consigam ao menos equilibrar suas ações, acrescentando nem que seja uma nota adicional e este “samba” de uma nota só?

É, meu caro Tom Jobim, quem diria, que sua música lançada em 1963 pudesse ser tão atual. Tudo isso seria cômico, se não fosse trágico.

Reinado Cafeo é economista e presidente da Associação Comercial e Industrial de Bauru -ACIB. 🌐 www.reinaldocafeo.com.br

✔ Leia outros artigos como este no blog da ACIB, clicando aqui: https://acib.org.br/blog/

5 meses em 5 semanas. Estamos preparados para enxergar as novas oportunidades deste momento?

Para definir o título deste artigo fui buscar inspiração no plano de governo do ex-presidente Juscelino Kubitschek. “Cinquenta anos em cinco”, marca do desenvolvimentismo, já que o ideal era trazer ao Brasil desenvolvimento econômico e social. Segundo JK, se com outros governantes este processo levaria cinquenta anos, com ele levaria apenas cinco.

E baseado neste pensamento que transporto para os dias atuais essa reflexão em relação aos desafios dos negócios e, principalmente, das operações de varejo.

Continue lendo “5 meses em 5 semanas. Estamos preparados para enxergar as novas oportunidades deste momento?”

FACESP lança plano de retomada das atividades

A Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo, FACESP, lança um documento denominado “Plano FACESP – Retomada das Atividades” que tem como objetivo ajudar o governo do Estado de São Paulo em sua tomada de decisões.

Segundo o documento, o fato é que há regiões no estado que podem iniciar a flexibilização em 1º de maio, uma vez que contam com uma estrutura de saúde adequada e uma baixa incidência de casos de contaminação.

O documento possui 63 páginas e detalha todo o plano de retomada das atividades que foi baseado em dados do Plano São Paulo, apresentado pelo governador João Dória em 22 de abril último.

Você pode fazer download abaixo do documento em PDF completo.

O Especial Coronavírus da ACIB é produzido pelo ID Labs, solução de Curadoria Estratégica de Conteúdo.

Dia das Mães: comércio paulista deve ter prejuízo de R$ 3,7 bilhões

O Dia das Mães acontece, neste ano, em meio à quarentena decorrente da pandemia de covid-19, com grande parte dos estabelecimentos comerciais de portas fechadas. A segunda melhor data para o comércio, atrás apenas do Natal, costumava promover alavancagem das vendas no mês de maio. No entanto, durante com o atual cenário, a FecomercioSP prevê queda de 31% nas vendas da temporada. Só na semana do Dia das Mães, deve haver prejuízo de R$ 3,7 bilhões. Para o mês, a baixa tende a atingir R$ 19,3 bilhões, menor patamar já observado.

Continue lendo “Dia das Mães: comércio paulista deve ter prejuízo de R$ 3,7 bilhões”

Coronavírus: Como montar um sistema de delivery em restaurantes

Confira os passos para adaptar cardápio, embalagem e divulgação em tempos de isolamento social.

Com as medidas restritivas anunciadas por diversos governos e prefeituras no Brasil para conter o avanço do novo coronavírus, milhares de restaurantes terão de fechar as portas. No estado de São Paulo, o governador João Doria recomendou aos empreendedores que usem a criatividade para aderir ao sistema de entregas.

A consultoria para food service Galunion desenvolveu uma cartilha exclusiva para que restaurantes montem seus sistemas de delivery nesse período de isolamento. O material foi antecipado a Pequenas Empresas & Grandes Negócios.

O Especial Coronavírus da ACIB é produzido pelo ID Labs, solução de Curadoria Estratégica de Conteúdo.

[ACIB Orienta] Reinaldo Cafeo conversa com Milton Debiasi sobre Liderança

A ACIB está apoiando a realização de uma série de webinars com a temática “Enfrentamento da Crise!” realizada pela Confraria de Negócios RC onde o presidente da entidade, o economista Reinaldo Cafeo, faz uma entrevista com 9 consultores empresariais com grande experiência e assim traz um conteúdo importante para o nosso associado e empresário bauruense.

Continue lendo “[ACIB Orienta] Reinaldo Cafeo conversa com Milton Debiasi sobre Liderança”