Coronavírus: é hora de pensar na retomada!

Coronavírus: é hora de pensar na retomada!

Enquanto parte dos políticos e da própria sociedade discutem quando será possível sairmos da quarentena no tocante a prevenção a proliferação do COVID-19, o novo coronavírus, os sábios estão traçando estratégias para a retomada das atividades econômicas.

É hora de revisitar seu planejamento, tanto no campo das empresas, como na vida profissional. Muitos comentem o erro de colocarem as questões da saúde e da economia como excludentes, pelo contrário. Isso serve também para a gestão da coisa pública, em toda as esferas de governo.

Pensando este momento como se fosse uma batalha para vencermos a guerra, a área da saúde estaria na linha de frente, com as armas disponíveis em suas mãos, enquanto outro exército de pessoas deveria estar estabelecendo as estratégias para o momento que a guerra acabar. É o olhar nos feridos, nos que se salvaram e até mesmo naqueles que “morreram” durante o combate. O que fazer neste “day after” deve ser estabelecido e planejado agora! Uma coisa não impede a outra.

Como tudo na vida vivenciamos mais um ciclo econômico. Evidentemente que este momento se apresenta com ímpar e inédito para muitos de nós, mas como qualquer ciclo econômico há o momento de baixa, mas chegará o momento da retomada.

É imperativo revisitar o planejamento estratégico. Em particular nas empresas, a forma de realizar as vendas mudará. Também a gestão de equipe terá outro formato e dimensão. Algumas crenças do passado terão que ser revistas. O uso dos recursos disponíveis deverá ser mais racional sendo necessário responder com clareza e de maneira justificada: qual a relação custo/benefício no uso do dinheiro. Quem adiou em aceitar a realidade do mundo virtual, em todos os setores da empresa, precisará repensar suas crenças.

O gerenciamento de algumas carreiras profissionais passará por revisão também. O pensamento analógico, tradicional, terá que dar espaço ao digital, otimizando o tempo e ampliando o conhecimento. O orçamento familiar passará por revisão e as prioridades deverão ser revisitadas. Ficou escancarado que gerar excedentes é fundamental para suportar com dignidade as adversidades.

As políticas públicas terão que ser revistas. Ficou latente que o setor público trata parte da população como cidadãos invisíveis, inexistentes. Escancarou a fragilidade na gestão dos recursos públicos. Veio mais do que nunca a baila que a prioridade de parte dos que gerenciam o setor público no dia a dia, está longo dos interesses coletivos. Adiam decisões que poderiam gerar mudanças estruturais importantes na gestão da coisa pública.

Aqueles que, em qualquer campo do conhecimento, ficavam presos ao passado, reproduzindo modelos de gestão empresarial e modelagem de suas carreiras e na condução da coisa pública, terão que refletir intimamente o que desejam daqui para frente. Avalio que até mesmo os valores e nossas crenças, serão revisitados.

Nunca esteve tão presente a frase “o sucesso do passado, não garante o sucesso no futuro”. Não adie mais o pensar e agir na direção da retomada da economia.

Reinado Cafeo é economista e presidente da Associação Comercial e Industrial de Bauru -ACIB. 🌐 www.reinaldocafeo.com.br

✔ Leia outros artigos como este no blog da ACIB, clicando aqui: https://acib.org.br/blog/

Uma resposta para “Coronavírus: é hora de pensar na retomada!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *